quinta-feira, 5 de abril de 2012

Dia do retorno para o continente.

Hoje é dia de retornar para Santiago, vou passar mais dois dias por lá, será pouco tempo para conhecer os  teatros, bares e galerias, mas se eu seguir no mesmo ritmo de 4h de sono por dia vai dar para ter uma ideia de como que é. 

Noite passada, no "buteco", presenciei uma "discussão" entre duas britânicas, uma de 23 anos e outra mais velha de 30 poucos anos. A discussão surgiu em torno das mulheres brasileiras, eu só escutando - por vezes pensei em me esconder em baixo da mesa!
Para a mais nova, as mulheres de uma forma geral, não só as brasileiras estão se comportando de maneira vulgar, e confundem "liberdade" com "promiscuidade". A mais velha começou a se esquentar e insinuou que ela pensava assim porque tinha tomado "galho" do namorado - não entendi o que ela falou, mas compreendi pelos gestos - e saiu da mesa e foi viver a sua "liberdade" com o pessoal que estava na mesa do lado.
É engraçado como algumas pessoas perdem o controle quando tem suas "idéias" confrontadas!

Passei o dia de ontem com a frase da senhora Rapa Nui na cabeça, e comecei a relacionar com pessoas conhecidas que não conseguem sequer compor uma fotografia, fazer um rabisco no papel ou que não "entendem" nada de música. E realmente, a maioria quando consegue demonstrar algum tipo de sentimento ou emoção, é por algo tipo um carro ou quando muito por um animal!

Estou matando tempo aqui, esperando porque o "comércio" da ilha não abre muito cedo -  será que todo mundo frequenta os "butecos" durante a noite! -, enquanto o tempo passa vou tomar banho e o café. Logo mais estarei saindo para rua para fazer umas "comprinhas" para "galera".

Tocando no Walkman:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá

Por gentileza identifique-se, comentários sem identificação não serão publicados.

Obrigado
L.S.T.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...